NOTÍCIAS


Candidatos ao Senado por Santa Catarina: veja a lista


As convenções partidárias estão definindo os nomes para as eleições de outubro. No Senado, uma vaga está em disputa em Santa Catarina. Os partidos têm até 5 de agosto para definir seus candidatos e até 15 de agosto para registrar os nomes junto à Justiça Eleitoral.

O 1º turno das eleições onde serão escolhidos o presidente, governadores, senadores, deputados estaduais e federais, está marcado para 2 de outubro. O eventual 2º turno acontece em 30 de outubro.

  • VEJA A LISTA: candidatos ao governo de SC em 2022

Conheça abaixo os candidatos e pré-candidatos de Santa Catarina para o Senado Federal (em ordem alfabética). A lista será atualizada de acordo com os anúncios e a realização das convenções.

Boppré, de 61 anos, é economista, professor e vereador de Florianópolis, sendo eleito pela primeira vez em 2012 e reeleito em 2016 e 2020. Foi vice-prefeito de Florianópolis entre 1993 e 1996, concorrendo ainda em 1996 à prefeito, sendo derrotado no 2º turno, obtendo com 46,15% dos votos.

É um dos fundadores do PT em Santa Catarina e desde 2005 é filiado ao PSOL. Também foi deputado estadual por duas legislaturas.

Afrânio Boppré (PSOL) — Foto: Reprodução

Afrânio Boppré (PSOL) — Foto: Reprodução

Caroline Sant’ Anna (PCO)

Caroline Sant’ Anna mora em Blumenau, no Vale do Itajaí, é professora de ensino infantil e mãe de dois filhos.

Integra o coletivo de mulheres Rosa Luxemburgo, do PCO. Foi indicada pelo partido à eleição e concorre pela primeira vez a um cargo eletivo.

Caroline Santana (PCO) — Foto: COTV/Reprodução

Caroline Santana (PCO) — Foto: COTV/Reprodução

Maldaner, de 68 anos, é economista e empresário. Atualmente, ocupa cadeira de deputado federal, sendo o segundo mandato consecutivo. Também foi prefeito de Maravilha, no oeste catarinense, por três mandatos, sendo o mais recente entre 2001 e 2005. Desde 2007, atua na Câmara, em Brasília.

Dividiu a carreira entre cargos políticos e atuação empresarial. É filiado ao MDB desde 1980 e foi presidente da legenda no estado no biênio 2019-2020.

Celso Maldaner (MDB) — Foto: Arquivo Pessoal

Celso Maldaner (MDB) — Foto: Arquivo Pessoal

Berger, de 65 anos, busca a reeleição ao Senado Federal, após ter sido eleito em 2014 para o cargo pela 1ª vez. Antes disso, foi prefeito de Florianópolis por dois mandatos, entre 2005 e 2012, e prefeito de São José, na região metropolitana, entre 1997 e 2000, cidade em que começou a carreira política no fim da década de 1980.

O senador chegou a lançar a pré-candidatura ao governo do estado para as eleições deste ano. Porém, declinou da disputa para buscar o segundo mandato no Congresso Nacional.

Dário Berger (PSB) — Foto: Jane de Araújo/Agência Senado

Dário Berger (PSB) — Foto: Jane de Araújo/Agência Senado

Salgado, de 61 anos, é natural de Maravilha, no Oeste catarinense, e é servidor público estadual. É graduado em gestão ambiental e concorreu em várias eleições desde a década de 1990 para cargos como vereador, prefeito de Florianópolis e governador do estado. Não obteve êxito em nenhuma delas.

Foi filiado ao PT no fim da década de 1980 e participou em 1994 da criação do PSTU. Também foi diretor da Central Única dos Trabalhadores no estado (CUT-SC).

Gilmar Salgado (PSTU) — Foto: Reprodução/RBS TV

Gilmar Salgado (PSTU) — Foto: Reprodução/RBS TV

Hilda, de 57 anos, é professora e atualmente ocupa cadeira na Câmara de Vereadores de Itajaí, no litoral Norte. Foi a primeira vez que concorreu ao cargo. Antes, já havia atuado no poder público como diretora da Fundação Cultural de Itajaí e como membro do Conselho Municipal de Políticas Culturais e da Câmara Setorial de Música.

Natural de Brusque, também foi assessora parlamentar na Câmara Municipal e atuou por mais de uma década como funcionária efetiva da Centrais Elétricas de Santa Catarina (Celesc).

Hilda Deola (PDT) — Foto: Divulgação

Hilda Deola (PDT) — Foto: Divulgação

Luiz, de 62 anos, é médico oftalmologista e já foi candidato a deputado federal pelo NOVO, em 2018, e candidato a vice-prefeito de Florianópolis, em 2020. Não foi eleito em nenhuma das oportunidades. No ramo profissional, além de médico, tem participação em empresas da área da saúde, é escritor com livros lançados, esportista e músico.

É a primeira vez que concorre ao cargo de senador. Natural de Taquaritinga, interior de São Paulo, vive desde a década de 1980 em Florianópolis.

Luiz Barboza Neto (NOVO) — Foto: Arquivo Pessoal

Luiz Barboza Neto (NOVO) — Foto: Arquivo Pessoal

Kennedy, de 52 anos, atualmente é deputado estadual por Santa Catarina, ocupando o 2º mandato. Também foi vereador por duas legislaturas em Joinville. Na cidade do Norte do estado também tentou por três vezes o cargo de prefeito, não obtendo êxito. Na década de 1990, atuou como Secretário de Desenvolvimento Comunitário do município.

Na vida profissional, é músico e chegou a rodar o Brasil em apresentações com seu grupo gospel. Também fez carreira como comunicador à frente de programas de TV.

Kennedy Nunes (PTB)  — Foto: Alesc/Divulgação

Kennedy Nunes (PTB) — Foto: Alesc/Divulgação

Colombo, de 67 anos, foi governador por dois mandatos, de 2011 a 2018, além de uma longa carreira política, sendo eleito senador, deputado estadual e federal, além de três vezes prefeito de Lages, sua cidade natal. Também ocupou cargos no poder público na década de 1980, como presidente da Centrais Elétricas de Santa Catarina (Celesc) e da Companhia Catarinense de Águas e Saneamento (Casan).

Atualmente, é um dos vice-presidentes da Executiva Nacional do PSD. Também é coordenador de Estudos Políticos da fundação do partido.

Raimundo Colombo (PSD) — Foto: Reprodução

Raimundo Colombo (PSD) — Foto: Reprodução

VÍDEOS: mais vistos de Santa Catarina nos últimos 7 dias

Veja mais notícias do estado no g1 SC



Fonte: G1


04/08/2022 – Continental FM

COMPARTILHE

SEGUE A @CONTINENTALFM961

(49) 3347-0131

radiocontinental@outlook.com.br
Rua Pernambuco nº329 – Centro Coronel Freitas – Santa Catarina  CEP:89840-000  

NO AR:
AUTO PROGRAMAÇÃO